Blog do Avallone

Palmeiras, a grande noite de Borja

Roberto Avallone

Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

Se não é um craque como se identificava em outros tempos, um tipo de técnica refinada e de agradáveis firulas, Borja faz bem o papel que lhe é reservado: fica dentro da área no combate aos zagueiros e está sempre à espreita de uma bola bem lançada,ou mal defendida,para usar seu chute forte em busca do gol.

Resumindo: de uns tempos para cá, desde que recuperou a posição e a autoestima, Borja vem muito bem no papel que se propõe a fazer- e que Felipão, para sorte do atacante, gosta- que é basicamente marcar gols. E nesta Libertadores, Borja já marcou 8 gols, sendo, no momento, o vice-artilheiro da competição.

Essa condição ele a alcançou na noite de quinta-feira, em Assunção, quando o Palmeiras disputando um belo segundo tempo, venceu o Cerro Porteño por 2 a 0, encaminhando sua classificação para as quartas-de-final, pois no jogo de volta pode perder até por um gol de diferença ,jogando em sua Arena.

E o triunfo começou logo a um minuto do segundo tempo, quando Dudu cobrou falta da esquerda, a defesa paraguaia falhou e Borja, de canhota, chutou para o fundo das redes. 1 a 0. Depois disso, o jogo ficou aberto, franco, ofensivo, até que aos 25 minutos veio o golpe fatal.Mais uma vez Borja.Neste lance, apos grande jogada de Moisés, que recuperou uma bola quase perdida e a lançou para Borja correr e, na saída do goleiro, chutar forte, de pé direito. 2 a 0.

Quer dizer: Borja teve duas chances. E Marcou dois gols.

Mas o Palmeiras não viveu apenas de seu centroavante.Há de se destacar também a atuação de Antonio Carlos, o bom jogo de Felipe Melo, a garra de Moisés e o entusiasmo de Felipão pelo que aconteceu no segundo tempo.O Palmeiras jogou com vontade de ganhar,embora ainda possa melhorar, é verdade: deve existir um lugar para Lucas Lima (talvez no lugar de Hyoran) ou Gustavo Scarpa.Lucas, no momento, está em melhor forma.

De qualquer maneira, está impecável a campanha do Palmeiras na Libertadores, cuja conquista é o sonho de sua torcida. É claro.