Blog do Avallone

Grêmio, campeão da Libertadores! E o Mercado da Bola

Roberto Avallone

Foto: Reuters

1- Na verdade, a vitória gremista foi mais fácil do que se esperava. Sem qualidade para dar sufoco, ansioso, com erros primários em sua defesa, o Lanús foi presa fácil para o Grêmio, que venceu por 2 a 1- gols de Fernandinho, Luan e Sand- e ainda  teve seu excelente goleiro Marcelo Grohe obrigado a fazer uma única grande defesa. Aliás,para para a alegria da imensa torcida do Grêmio , uma comemoração histórica: esta é a terceira vez que o Grêmio conquista a Taça Libertadores, sendo, pois, tricampeão, depois de disputar cinco finais.

Quanto ao jogo desta quarta-feira,a ansiedade prejudicou o time do Lanús, tecnicamente já bem inferior ao Grêmio, com a situação agravada pelo nervosismo: no primeiro gol, falha terrível da zaga argentina. no meio do campo, da qual se aproveitou Fernandinho, que arrancou em velocidade e chutou- de esquerda- forte e seco para as redes argentinas; no segundo gol, um belo gol de Luan! Ele invadiu a área do Luan, nenhum zagueiro tentou lhe dar o bote e, perto do goleiro, deu uma ''cavadinha'' que só os craques sabem fazer; e o gol de honra do Lanús, surgiu de um pênalti (existente) em Acosta, transformando em gol pelo veteraníssimo Sand.

Enfim, uma vitória tranquila, fácil, sem necessidade de show. O suficiente para a torcida gremista festejar como nunca e aguardar, com esperança. o Campeonato Mundial de Clubes.

Parabéns , Grêmio!

Imagem: Internet

2- O Mercado da Bola vai se intensificar logo após o fim do Campeonato Brasileiro. Na próxima semana, pois. Por enquanto, chama a atenção:

a)  A fala de Roger, novo técnico do Palmeiras. calmo e comedido, dizendo que já tem 90 por cento do elenco par a próxima temporada. Ao elenco, com  certeza, estará agregado o nome de Lucas Lima, meia que pode impulsionar o meio-campo do time. Segundo um conselheiro respeitável, Fernando Prass renovará (ainda não o fez) e não é certeza a vinda de Weverton.

b) Leio que o Santos quer Abel Braga para seu técnico na próxima temporada. Bom nome, gosta de trabalhar com meninos da base, mas considero difícil a sua vinda, pois nem Palmeiras e Inter conseguiram acertar com ele. Abel costuma respeitar seus contratos e ele ainda tem um ano pela frente no Fluminense.

Aguardemos.

c) Curiosa a situação do zagueiro Pablo; não entrou em acordo financeiro com dirigentes do Corinthians (dizem que pediu demais), embora tenha sido um dos pilares da defesa do campeão brasileiro, especialmente no primeiro semestre e um pouco depois. Não vou dizer que se trata de um super-craque, não, mas teve um ano de bons desempenhos e, por mero palpite, acredito que não voltará a defender o francês Bordeaux e deverá jogar por uma grande equipe brasileira na próxima temporada.