Blog do Avallone

5 a 1! O Palmeiras lavou a alma. E está na Libertadores

Roberto Avallone

Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

Quando digo Libertadores , quero me referir especificamente a fase de  grupos. Pois que com sua larga vitória de 5 a 1 sobre o Sport e mais as derrotas de Flamengo, Santos e Botafogo, o Palmeiras já está classificado para a sonhada fase de grupos da Libertadores; matematicamente, ainda pode ser ultrapassado pelo Cruzeiro, mas aí já não conta, uma vez que o Cruzeiro já está na fase grupos por ter vencido a Copa do Brasil.

Quanto ao jogo desta quinta-feira. com menos de 19 mil pagantes, o Palmeiras teve dois tempos totalmente  diferentes; no primeiro, jogou mal, não obrigou o goleiro Magrão a nenhuma defesa relevante e ainda teve em Fernando Prass-que fez três grandes defesas- o seu melhor jogador;  na segunda etapa, no entanto, quando Dudu jogou tudo o que pode ainda mais um pouco, o Palmeiras foi arrasador. Foram cinco gols marcados e outros perdidos.

Aliás, o Palmeiras é o dono do melhor ataque do Campeonato, até agora, com 58 gols. Foi atrapalhado pelo alto número de gols sofridos, 40- especialmente, na minha opinião, pela falta de eficiência nas laterais e por Mina, um senhor zagueiro, ter ficado tanto tempo fora, lesionado.

Entre os destaques do Palmeiras, além de Dudu, cito Keno, com seus dribles constantes(fez o quinto gol); e cito Deyverson, autor de quatro gols nos últimos dois jogos- Flamengo e Sport-, lutador , oportunista, mas que andou sendo vaiado por uma parte da torcida durante o jogo. A torcida tem o direito de vaiar, ainda que, na minha opinião, Deyverson não fez para tanto: ele tinha se atrapalhado com uma bola que bateu em suas costas e perdido um gol, com a bola passando rente à trave.

E com quantos isso não acontece?

Sem ser dono de técnica refinada, acredito que Deyverson será muito útil dentro de suas características de centroavante rompedor, bom chutador com a perna esquerda e cabeceador. Que se espere dele um homem de área, não um craque.  Ele teve calma em seu segundo gol- terceiro do Palmeiras- ao chutar de canhota no canto esquerdo de Magrão: em seu primeiro gol, que não comemorou e até o fez chorar, escorou belo cruzamento de Dudu (acho que estava impedido), vindo da direita.

Na pior das hipóteses, quanto à posição de centroavante, se nada der errado, o Palmeiras contará com Borja (aparentemente recuperado), Deyverson(outro estilo, mas que pode ser de grande valia) e Willian (mais técnico, pode também jogar pelos lados), ou seja, uma nada contestável gama de opções.