Blog do Avallone

Palmeiras, épica vitória na Bombonera

Roberto Avallone

Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

É preciso já ter visto um jogo na Bombonera para saber, ao certo, o que é vencer o Boca Juniors lá dentro; Pois o Palmeiras conseguiu, com autoridade, por indesmentíveis 2 a 0, com gols de Keno (de cabeça, após belo centro de Marcos Rocha) e de Lucas Lima- este, um gol de oportunismo e de categoria, por encobrir  o zagueiro que estava à sua frente, por cobertura, já que o grandalhão goleiro Rossi esta fora de sua meta.

O Boca atacou muito, é verdade, especialmente pelo lado de Pavón (que jogador!), teve dois gols bem anulados- ambos por impedimento) e Jaílson, quando acionado, fez boas defesas. Mas nada que assustasse muito o Palmeiras, que, seguro, controlava as ações;no segundo tempo, então, quando jogou melhor do que no primeiro, o Palmeiras não só controlou o ímpeto da equipe argentina como também foi perigoso nos contra- ataques e chegou a exibir bom futebol.

Quanto aos destaques individuais dos jogadores palmeirenses começo por Felipe Melo. Na minha opinião ele foi o mais importante jogador do time, o senhor do meio-campo, implacável na marcação e com boa técnica para sair jogando. Alguns outros também se destacaram, como o volante Bruno Henrique, o zagueiro Edu Dracena, o goleiro Jaílson, o atacante Keno e o meia  Lucas Lima- este, pelo e por alguns momentos no jogo, embora tenha potencial para render muito mais.

Com essa vitória, o Palmeiras alcança a sua classificação para a próxima fase da Libertadores, o que acalma a torcida e deixa o time mais relaxado até para disputar os jogos do Brasileiro,pois não existe mais preocupação- por enquanto- com a competição sul-americana.Logo, épica, essa vitória na Bombonera valeu muito mais do que os três pontos conquistados.

Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação