Blog do Avallone

O Palmeiras 100 por cento, E Rodrygo,o novo xodó do Santos

Roberto Avallone

1- O Palmeiras não é 100 por cento apenas pela bela campánha que vem fazendo no Campeonato Paulista, com quatro vitórias em quatro   jogos, oito gols a favor e dois contra, aproveitamento  total; é 100 cento também por estar jogando bem, contrariando a premissa de que não se joga bem no início de temporada, e também tem forte elenco com jogadores que,quando entrarem na equipe(tipo Moisés, Gustavo Scarpa e Diogo Barbosa) certamente irão melhorar ainda mais o desempenho da equipe.

Neste domingo, por um exemplo, diante do Bragantino, mesmo atuando  em Bragança Paulista, foi um verdadeiro passeio. O Palmeiras dominou o jogo inteiro e a vitória de 2 a 0- gols de Keno e Dudu- este, autor de um golaço- não reflete exatamente como foi a partida, pois Jaílson não teve trabalho e os atacantes do Palmeiras- especialmente Borja desperdiçaram vários chances.

( Quanto a Borja, uma curiosidade: ele lutou como um guerreiro, fez  até algumas jogadas interessantes, mas continua pecando naquela que era sua especialidade no Nacional de Medellin- no arremate, na arte de empurrar ou chutar a bola para as redes. Não foi esse o motivo que o fez ser contratado por mais 30 milhões de reais?)

Se por um lado, o artlheiro não funciona, por outro lado a exibição dos meio- campistas Felipe Melo e Lucas Lima chegam a encantar. pela categoria que vêm demonstrando, inclusive nessa vitória  contra o Bragantino. Na opinião deste blogueiro, foram, Felipe e Lucas, os melhores da partida.

No próximo domingo, o Palmeiras terá um sugestivo clássico com o Santos,o maior teste da temporada até agora. E, provavelmente a Arena palmeirsnse estará lotada

.2- Rodrygo- com y mesmo-, 17 anos, novo xodó da torcida santis, mais uma vez salvou o Santos na noite de domingo, no Pacaembu. Não fosse ele a marcar, de cabeça, o gol aos 45 minutos do segundo tempo e o Santos teria saído derrotado pelo Ituano, que vencia por 1 a 0. Acabou em 1 a 1.

No primeiro tempo, o Ituano jogou muito melhor, chutou mais vezes a gol. O Santos estava mal. A torcida começou a clamar por Rodrygo, que só entrou no segundo tempo. Mas teve minutos suficientes para driblar, arrancar e marar o seu gol. Talentoso, não precisou de muitos minutos,

Assim como aconteceu no meio da semana, em Campinas, diante da Ponte Preta, quando também jogou pouco  tempo e, mesmo assim, marcou, já nos acréscimos, o gol que deu a vitória ao Santos- de virada- contra a Ponte Preta.

Será Rodrygo, a nova  sensação entre os Meninos da Vila?