Blog do Avallone

Keno levou o Palmeiras à vitória.E Lucas Lima está bem próximo

Roberto Avallone

1- Keno acabou com o jogo. Apenas isso. Ah, contra o Botafogo ele foi um ponta endiabrado, impossível de ser marcado no memorável segundo tempo: fez a assistência no primeiro gol, marcado por Dudu(a bola, antes, desviou levemente em Borja), tirando o marasmo da partida: depois, em jogada genial, ele fintou o marcador coma perna direita e emendou de canhota para o alto do canto esquerdo de ''Gatito Fernandez''.

Pronto: estava estabelecido o placar do jogo- 2 a 0- e festejado o salto do Palmeiras para a segunda colocação do Campeonato Brasileiro- o que pode ser confirmado ou não no fim de semana, pois o Palmeiras está apenas um ponto à frente de Grêmio e Santos, sendo decisiva a última rodada até na luta pelo vice-campeonato.

A importância do futebol de Keno é ainda maior, pois não era fácil entrar na defesa do Botafogo e o primeiro tempo foi morno demais. Depois da assistência e do gol de Keno, no entanto, o segundo tempo foi uma festa para o Palmeiras, que poderia ter ampliado o placar estivesse Borja em noite mais inspirada. Houve emoção.

E a emoção não parou no fim do jogo, pois continuou com o grande Zé Roberto ,43 anos, fazendo sua despedida da torcida palmeirense, já que decidiu se aposentar: ele foi abraçado pelos companheiros, jogado para o alto em saudação, com a mesma dignidade com que atravessou sua carreira brilhante. E de profissional exemplar. Ainda por cima, como exemplo de vitalidade, deu a volta olímpica, acenando para o estádio inteiro.Pena que fosse o adeus.

2- Definida como ''está bem encaminhada'' por Neymar da Silva Santos- pai do Neymar da Seleção- a situação de Lucas Lima não sugere outro desfecho que não seja o Palmeiras. Neymar pai, o pai de Lucas Lima, Roberto, o empresário André Cury e um advogado  da NN estiveram no Palmeiras na tarde desta quinta-feira; depois, foram assistir ao jogo na Arena do Palmeiras.

O Santos já foi notificado pelo Palmeiras da intenção de negociar com o jogador(regra obrigatória- talvez o pré-contrato) mas disse Neymar pai que o contrato mesmo- assim com os tradicionais exames médicos- só poderia ser assinado em janeiro, após terminar o compromisso do meia(no fim do ano) com o Santos.

Assim, creio, Lucas Lima será mesmo do Palmeiras- a não ser que se tenha uma reviravolta surpreendente. Na minha opinião, trata-se de um grande reforço para o time, não só pelo futebol  que Lucas Lima normalmente exibe, como também pela possibilidade de recuar Moisés para segundo volante, onde ele rende mais.

Aguardemos.