Blog do Avallone http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br Roberto Avallone é jornalista esportivo há mais de 35 anos Fri, 14 Dec 2018 04:33:17 +0000 pt-BR hourly 1 https://wordpress.org/?v=4.7.2 Sampaoli, Ramiro, Carlos Eduardo: gostou? http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/12/14/sampaoli-ramiro-carlos-eduardo-gostou/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/12/14/sampaoli-ramiro-carlos-eduardo-gostou/#comments Fri, 14 Dec 2018 04:33:17 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8984 1- Jorge Sampaoli é o novo técnico do Santos.É o que está acertado. Se não houver nenhum obstáculo de última hora- não acredito que algo vai atrapalhar a negociação- terá o Santos feito uma promissora e surpreendente contratação.

Ah, podem dizer alguns, ele foi figura apagada ao dirigir a Seleção da Argentina na Copa do Mundo, Sim, não brilhou. Mas isso não é capaz de apagar o belo trabalho que teve à frente da Seleção do Chile(ganhou até Copa América). da sensação que foi ao treinar La U do Chile e o bom trabalho como comandante do Sevilha.

Gosto do estilo de Sampaoli: é vibrante, faz o time marcar com intensidade, sabe montar um bom ataque.Não o conheço no dia a dia, dizem que é temperamental, mas me parece suficientemente competente.Em outros tempos, se dava melhor no Santos, técnico que tivesse raízes na Vila Belmiro- Lula, Antoninho, Pepe, Chico Formiga,

Os tempos mudaram.Há bom tempo o Santos expandiu seus sonhos, seus simpatizantes. Quem sabe um argentino vibrante- como este Sampaoli-faça o Santos ter de novo o cenário internacional do qual foi estrela desde os tempos de Zito, Dorval,Mengálvio Coutinho, Rei Pelé e Pepe. Quem sabe…

2- Não vou exagerar: seria demais dizer que este Ramiro, contratado pelo Corinthians junto ao Grêmio., seja um jogador fora-de- série, fenomenal ou algo parecido. Não é assim.

Mas digo, sem medo de errar, que se trata de um bom jogador, às vezes muito bom. Ramiro é versátil, joga em várias posições pelo lado direito, quando atacante é agressivo, arrisca seus dribles e, principalmente, chuta forte e colocado.Ramiro ainda é jovem, tem 25 anos, e deve cair no gosto da Fiel torcida. Boa contratação do Corinthians.

3- Vou repetir o que já disse em outro canto: uma confiável fonte palmeirense me confidenciou que já está, sim, tudo acertado para Carlos Eduardo trocar o Pyramids, do Egito, pelo Palmeiras. E, na monha opinião, este jovem de 22 anos. que joga pelos lados do campo- mais pela direita-se for mesmo contratado e estiver na fase boa- poderá ser o velocista pedido por Felipão.

Já o vi atuar pelo Goiás e, na maioria das vezes, gostei. E muito. Em outras vezes, poucas, já não o vi driblar, correr e chutar tanto.Oscilações da juventude? Na média, Carlos Eduardo deixou nas entrelinhas ser um atacante de muito futuro.

Creio tratar-se, no mínimo, de uma bela aposta do Palmeiras.Que tenha sorte.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

]]>
5
River, campeão da América. E o Mercado da Bola http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/12/10/river-campeao-da-america-e-o-mercado-da-bola/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/12/10/river-campeao-da-america-e-o-mercado-da-bola/#comments Mon, 10 Dec 2018 02:26:02 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8974 1- Inédita e turbulenta final da Libertadores- pela primeira vez decidida por dois gigantes da Argentina,River e Boca- o chamado Super Clássico não foi exatamente um primor de técnica. Não faltou emoção, isso sim. mas nenhuma das duas equipes obrigou, por exemplo, o goleiro adversário a grandes defesas ou perdeu chances claras de gol.

Na média, o River Plate foi melhor durante as duas horas e mais acréscimos de futebol. E teve alguns jogadores que foram superiores: por exemplo, o volante Quintero, colombiano, autor do segundo gol do campeão e que entrou já na etapa final para melhorar o meio-campo; ou o autor do terceiro gol, Pity Martinez, que correu quase o campo inteiro para empurrar a bola, mansa e obediente para as redes do Boca(desesperado, Andrada, nesse momento, estava na posição de centroavante, na área do River); ou o guerreiro e goleador Lucas Pratto, autor do primeiro gol, quando estava 1 a 0 para o Boca.

Do lado do Boca, mais uma vez fiquei surpreso com o centroavante Benedetto. Ele fez, de novo, um golaço: recebeu a bola na entrada da área, deu um drible desconcertante em Maidana- que ficou no chão, estirado- e abriu a contagem com chute certeiro no canto esquerdo de Armani.

O Boca Juniors foi até melhor do que River no primeiro tempo- a situação se inverteu na segunda etapa e na prorrogação- mas confesso que esperava bem mais de Perez, de Pavon, de Barrios… Quando Benedetto saiu, aos 15 minutos do segundo tempo, quem no Boca oferecia perigo? Benedetto foi a alma do Boca nos últimos jogos.

Logo, essa vitória do River Plate, por 3 a 1, pareceu- me justa. Diante de mais de 62 mil pagantes; Pela quarta vez em sua História, o River Plate conquista o título de campeão da Taça Libertadores da América. Tetra, portanto. O que é expressivo.

2- O Mercado da Bola, por enquanto, oferece algumas novidades e muitas especulações. Por exemplo:

a) É praticamente certo que, depois da eleição de Rodolfo Landim para presidente do clube, o Flamengo anuncie rapidamente a contratação de Abel Braga para ser seu novo técnico de futebol. Boa escolha, apesar do belo trabalho desenvolvido por Dorival Jr., pois Abel  vai querer exatamente o que pregou o novo presidente em sua campanha; ganhar títulos, ter de volta um Flamengo campeão.

E a julgar pelo elenco que terá disponível( Diego talvez não fique, não sei a opinião de Abel), vultuoso orçamento e muita grana para gastar em contratações, o Fla será um candidato seríssimo em 2019 ao título de cada competição que disputar. Foi o vice-campeão brasileiro neste 2018, mas mesmo assim lotou o Maracanã em seu jogo- despedida da competição.

b) Com a volta de Fábio Carille, o Corinthians ainda terá de contratar jogadores de peso. Carille, sozinho, não será suficiente. Só que, com ele,técnico que venceu três Campeonatos- um Brasileirão e dois Paulistas- terá mais identidade, com um padrão de jogo mais claro, ainda que defensivo e explorando mais o contra-ataque.

Fundamental, logo de cara, é conseguir um centroavante goleador. Assim como Jô…

c) E o Palmeiras, atual campeão brasileiro, pensa em reforçar ainda mais o seu elenco, Além de Zé Rafael e do centroavante Arthur, sonha com nomes de peso, especialmente com um velocista( Keno é o preferido, apesar das dificuldades) e com um goleador, de preferência Ricardo Goulart, que fez tratamento pós artroscopia no Palmeiras até sábado.

Há outros nomes em pauta, como o volante Matheus Fernandes, do Botafogo, e o velocista Carlos Eduardo(ex- Goiás), do Pyramids, do Egito.

Se esses jogadores virão ou não, é outra história. A conferir.

]]>
3
Dudu, o craque do Brasileiro, fica ou vai embora logo? http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/12/03/dudu-o-craque-do-brasileiro-fica-ou-vai-embora-logo/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/12/03/dudu-o-craque-do-brasileiro-fica-ou-vai-embora-logo/#comments Mon, 03 Dec 2018 03:03:37 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8968 1- Ao final do jogo e após a festa, Dudu- que deve ser eleito o craque do Campeonato Brasileiro- me pareceu claro e sincero: “No momento, não tenho proposta. Mas se aparecer alguma coisa,podemos sentar e conversar”.

Creio que a situação é exatamente esta. Pela bola que jogou neste Campeonato, especialmente depois que Felipão passou a dirigir o Palmeiras, Dudu poderia sonhar com vôos mais altos, passando por Seleção Brasileira e chegando a  algum clube grande da Europa. Por que não um Chelsea ou um Liverpool, da Inglaterra?Mas não sei se, aos 26 anos, seu nome seria lembrado por lá.

Mais fácil, creio, seria o futebol chinês, para onde Dudu quase foi no meio deste 2018. Apressado, um conselheiro do Palmeiras disse a um amigo” que  acho que está tudo certo. O Dudu vai embora”. Mas isso, apenas na base do achar,sem nenhuma informação oficial concreta, tanto que o Palmeiras tem lá as sias esperanças de que nada de muito atraente chegue agora e o craque do time possa continuar por mais um tempo, quem sabe até longo.

Na minha opinião e por mero palpite- depois de ouvir certas pessoas-, é mais fácil que tal proposta chegue no meio do ano e que, por mais esforço financeiro que o Palmeiras faça, será difícil segurar Dudu.Deve tratar-se de muita grana, como foi no meio deste ano, mas que ainda deu para contornar.Agora, são outros os tempos.Como resistir desta vez?

De qualquer maneira, ficando ou saindo para o Exterior, Dudu já mais do que justificou sua passagem pelo Palmeiras. Uma passagem gloriosa. Que inclui títulos nacionais( Copa do Brasil, duas vezes o Campeonato Brasileiro), até feitos como- o jogador que mais fez gols no Allianz Parque, o que mais partidas disputou na Arena, etc.

Ele mesmo disse, após o triunfo sobre o Vitória: “Estou feliz no Palmeiras, tenho contrato. Mas se tiver de ir embora, saio sabendo que fiz um bom trabalho aqui”

Sem dúvida, até aprimorou o seu futebol: passou a driblar mais e melhor, a chutar e centrar com mais eficiência e parou com a mania de ser ponta-esquerda; pode cair pela esquerda, sim, mas sabendo que rende mais pelo meio e até pela direita.Nesse ponto, Felipão tem seus méritos.

O jogo contra o Vitória, mais de festa do que de competição, mostrou um Dudu sempre interessado: no primeiro gol, caiu pela esquerda, driblou e centrou na cabeça de Edu Dracena- como se tivesse jogado a bola com a mão; depois, lutou o tempo todo, acompanhou o segundo gol(Scarpa), viu o Vitória empatar( um dos gols, de pênalti, que na verdade foi falta fora da área de Antonio Carlos), 2 a 2, e vibrou com o gol da vitória, marcado por Bruno Henrique, no final. Palmeiras, 3 a 2.

O Palmeiras campeão brasileiro deve muito a Dudu, seu Craque- Guerreiro.

]]>
6
O Mercado da Bola. E o tango da Libertadores. http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/30/o-mercado-da-bola-e-o-tango-da-libertadores/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/30/o-mercado-da-bola-e-o-tango-da-libertadores/#comments Fri, 30 Nov 2018 04:35:33 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8966 Desta vez, o Mercado da Bola para a próxima temporada começou bem antes:

a) Renato Gaúcho ficou no Grêmio, apesar das especulações de que ele iria para o Flamengo. Salário à parte, aparentemente o que pesou foi a estabilidade no clube de Porto Alegre, contra a indefinição de quem, de fato, ganhará as eleições no Flamengo, situação ou oposição. Ou algum fato novo ao qual  este blog não teve acesso.

b) Creio que com a permanência de Renato no Grêmio, o duelo agora é entre Santos e Flamengo por Abel Braga.Meru palpite é de que Abel será do Flamengo, até pelas raízes do técnico no Rio. Mas é um mero palpite e o Santos deve lutar por esse treinador.

c) Felipão fica no Palmeiras: acredito que sim, até porque o técnico e o clube estão felizes, um com o outro, e Felipão tem contrato vigente. Digo isso porque ouvi, em um programa da Fox, que a Colômbia tem interesse que o técnico campeão brasileiro dirija a sua seleção. O interesse pode ser verdadeiro -deve ser- mas creio que Felipão permanecerá firme no Palmeiras,onde está à vontade.

d) Marcelo Oliveira- que ganhou títulos nacionais em 2013, 2014 e 2015- foi demitido pelo Fluminense, após o Flu ser eliminado pelo Atlético Paranaense, em pleno Maracanã. Pena. Mas a culpa foi dele ou do limitado time do Fluminense, que ainda briga para não ser rebaixado para a Série B?

d) No que toca a contratações, foi oficializada a contratação de Zé Rafael,´que  era do Bahia , pelo Palmeiras. Trata-se de um bom meia mas que terá de disputar posição, pois o elenco  palmeirenses já conta com Lucas Lima, Gustavo Scarpa, Guerra. Rafael Veiga( que voltará do Atlético Paranaense)…

Também chamou a atenção do Cruzeiro pelo atacante Bruno Henrique. do Santos- este, um ótimo jogador, mas que se lesionou muito este ano e não vive fase das melhores. Tecnicamente, no entanto, quando estiver em plena forma, acredito que Bruno Henrique tem lugar em qualquer  time. O Santos perderá esse talento?

E está só começando esse Mercado, que deve estar mais do que aquecido quando terminar(acaba no domingo) o Campeonato Brasileiro.

2- O Boca ainda resiste, promete ir brigar pelos pontos até no CAS, mas tudo indica que terá de jogar: a final foi marcada pela Conmebol para o dia 9. E em Madri, no estádio do Real, Santiago Bernabéu. Tanto se falou neste duelo mistico -e de duas grandes histórias- entre Boca e River, mas a violência de barras- bravas o transformou em medo, novela arrastada e tango triste.

]]>
3
Palmeiras, o futuro do Campeão. Libertadores, o papelão http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/25/palmeiras-o-futuro-do-campeao-libertadores-o-papelao/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/25/palmeiras-o-futuro-do-campeao-libertadores-o-papelao/#comments Mon, 26 Nov 2018 01:02:45 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8958

Crédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

1- Já campeão  brasileiro-  ou decacampeão em títulos nacionais, já incluindo a antiga Taça do Brasil e o Robertão-, o Palmeiras não pretende se acomodar. Consta que fará boas contratações pontuais (Zé Rafael e o já contratado centroavante Arthur, por exemplo) e de olho em transferências mais difíceis que poderão ou não se consumar- interessam nomes como Gabigol, Ricardo Goulart e Keno (que poderia voltar do Pyramids, do Egito), embora exista a chance de o atacante do Santos ser negociado com o futebol inglês pela Inter de Milão.

Por outro lado,o elenco será reavaliado e os jogadores estudados, nome a nome.Há também a intenção de aproveitar- talvez no Campeonato Paulista- talentos da base, que viveu um ano histórico em quase todas categorias, ganhando vários títulos.

Resumindo: o Palmeiras pretende tornar-se ainda mais forte em 2019, já definida a conquista do título e também a situação politica, esta com a reeleição no sábado de Mauricio Galiotte, agora para um mandato de três anos: com Mauricio, a patrocinadora continuará e é bem provável que o diretor- executivo de futebol, Alexandre Mattos. permaneça em seu posto.

Quanto ao título conquistado, o sexto Brasileirão desde que foi instituído em 1971 (não confundir com o acúmulo de títulos nacionais) foi justíssimo: antes da última rodada , que será no domingo, o Palmeiras tem o melhor ataque (61 gols marcados), a melhor defesa (24 gols sofridos), o maior número de vitórias (22) e está invicto desde que Felipão foi contratado.

A vitória contra o Vasco neste domingo, em São Januário, por 1 a 0, gol de Deyverson, apenas consagrou a melhor campanha entre as equipes em um Campeonato difícil, que teve um Flamengo que cresceu muito desde a chegada de Dorival Jr. e um Inter com performance surpreendente para quem acabava de voltar da Série B.

O melhor do time? Não pelo jogo contra o Vasco, mas pela média de atuações, voto em Dudu.Ele jogou muito.

2- Que papelão! Badalada como a maior final da Libertadores em todos os tempos, a disputa entre Boca e River transformou-se em um quase “mico” não sendo disputado o segundo jogo, no estádio do River, em função de a história e o futebol terem sido vencidos pela violência; o que era festa virou guerra, o que era poesia virou um ato  cruel e sem charme por parte de um grupo de vândalos- não a torcida inteira-, “hinchas” do River, que atacaram o ônibus do Boca, ferindo jogadores pelos estilhaços dos vidros quebrados.

O terror tomou o lugar do charme. E o que era para ser decidido no campo, com arte e determinação, dependerá do que for resolvido nesta terça-feira, na cidade de Luque, na sede da Conmebol.

A disputa continuará ou o Boca vai ganhar os pontos, assim como o River ganhou em 2015 por terem seus jogadores sido agredidos, dentro de campo?Sei lá. Sei  que o futebol está perdendo de goleada da violência, em cantos que tinham gestos nobres e desportivos. É preciso fazer alguma coisa. Antes que seja tarde demais.

]]>
20
Palmeiras, o quase Deca Campeão! http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/22/palmeiras-o-quase-deca-campeao/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/22/palmeiras-o-quase-deca-campeao/#comments Thu, 22 Nov 2018 04:41:52 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8954 Agora falta pouco para o Palmeiras ser o  decacampeão nacional, com a mais do que provável conquista de seu sexto título de campeão brasileiro. Na verdade, faltam dois pontos-empate com Vasco e Vitória- ou um triunfo,contra Vasco ou Vitória, para não depender de nenhum resultado do Flamengo, o único que ainda o persegue.

O Fla ainda está vivo na disputa porque venceu o Grêmio, no Maracanã, por 2 a 0(gols de Uribe e Diego) , mantendo-se a cinco pontos do líder Palmeiras. O Inter, que ainda sonhava com o título, deu adeus às chances de ficar com a Taça ao ser derrotado, por 2 a 1, pelo Atlético Mineiro.Foi sua primeira derrota no Beira- Rio neste Campeonato Brasileiro.

Por sua vez, o Palmeiras apagou a má impressão da partida contra o Paraná e só faltou marcar a data para ser o campeão brasileiro, ao golear o América de Minas por 4 a 0. Todos os gols marcados no segundo tempo- Luan, Willian, Dudu e Deyverson, sendo que Dudu foi o melhor jogador do time,marcando um gol, dando ótimo passe para Willian marcar o dele. além de infernizar a defesa mineira o jogo inteiro.

Deyverson também foi muito importante nessa vitória palmeirense.Ele saiu do banco de reservas para disputar o segundo tempo no lugar de Borja, que vive péssima fase e tinha desperdiçado boas chances- uma delas incrível, após passe de Dudu- para o Palmeiras já ter balançado as redes na etapa inicial. Pois Deyverson entrou com gana- e sereno- fez logo de cara um gol, anulado, continuou a lutar e culminou a sua bela performance com um gol , de cabeça.O quarto do Palmeiras.

Além dos já citados, gostei muito da atuação de Lucas Lima, de técnica conhecida e de uma força de vontade apreciável- o que para alguns, não para este blogueiro não é tão comum em suas participações. Habilidoso e incansável, Bruno Henrique o seguiu de perto.

Enfim além da confortável situação matemática em que se encontra neste Campeonato, o Palmeiras parece ter recuperado com essa goleada a autoconfiança de quem está para confirmar a condição de maior campeão nacional.

O Decacampeão.

]]>
17
Palmeiras, sinal de perigo. Fla e Inter ainda sonham http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/19/palmeiras-sinal-de-perigo-fla-e-inter-ainda-sonham/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/19/palmeiras-sinal-de-perigo-fla-e-inter-ainda-sonham/#comments Mon, 19 Nov 2018 04:23:45 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8951 1- Pode ter sido apenas um pesadelo, apenas uma impressão de que o castelo de sonhos poderia ruir- como ingredientes, tínhamos, por exemplo, o temporal e a ventania que assustaram Londrina.Tanto que, seguro, o matemático Tristão Garcia, do site Infobola, ainda credita ao Palmeiras 95 por cento de chances de conquistar o título, cabendo, segundo as contas. 4 por cento ao Flamengo e apenas 1 por cento ao Inter.

São possibilidades. Pois que, a olho nu, números à parte, o que se viu no empate de 1 a 1 entre Paraná e Palmeiras, foi um dos piores jogos desta era de 20 jogos de invencibilidade de Felipão no Campeonato Brasileiro. Pensando bem, talvez o pior. E chegou ao ponto de o empate ficar de muito bom tamanho para os palmeirenses, diante de um já rebaixado Paraná. agora um time de jovens velozes e sonhando com a fama futura.

O que pode ser, além de um pesadelo ou de uma performance infeliz, um sinal de alerta, de perigo,pois não sei se a equipe de Felipão- em caso de repetição- seja capaz de resistir até mesmo às limitações técnicas do América Mineiro( que neste domingo bateu o Santos, 2 a 1), do Vasco da Gama(em São Januário) ou do Vitória- os três e últimos adversário do Palmeiras na competição, as três equipes lutando contra o rebaixamento.

Sinceramente, não  creio na repetição do pesadelo de Londrina. Mas também não sei explicar as causas das falhas da defesa do Palmeiras, como também nem ouso achar que é falha da memória ao não me lembrar de uma jogada sequer de Lucas Lima. meia badalado; ou de alguma jogada mais efetiva de Borja- perdeu duas chances claras- ou do centroavante que o antecedeu, Deyverson, ambos atacantes de ofício, mas que nada fizeram na prática.

O Palmeiras fez um péssimo jogo. E os meninos do Paraná,velozes, deixaram no ar e no campo a sensação de o time poderá sonhar mais na próxima temporada. E então, ou o Palmeiras volta a jogar como já fez durante a bela campanha ou essa longa invencibilidade, como diz sabiamente Felipão, ” Não valerá nada se o título não vier, Nada!”.

Concordo com Felipão. Esperemos, então, a linguagem do campo.

2- Mesmo atuando com dez jogadores após a expulsão de Paquetá, o Flamengo venceu o Sport, no Recife, por 1 a 0, gol de cabeça de Arão; por sua vez, jogando contra o Botafogo que anda temível nas últimas partidas;o Inter perdeu de 1 a 0, gol do atacante Erick, emprestado pelo Palmeiras ao clube carioca.

Com esses resultados, o Fla- que era o terceiro colocado- virou o vice da competição, a cinco pontos do líder Palmeiras; e o Inter, que era vice, agora está na terceira posição, a seis pontos do Palmeiras. Inverteram-se, pois, as posições. Números à parte, acredito que o Fla tenha mais time e um elenco mais farto para as devidas reposições , embora os três adversários que lhe restam sejam mais perigosos: o Grêmio, no Rio, e o Cruzeiro, no Mineirão, por exemplo.

Enfim, além dos números, o suspense da linguagem do campo é o que intriga como será essa reta final da competição.

]]>
13
O Fla esbarra em Helinho e no tricolor.E o Corinthians… http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/05/o-fla-esbarra-em-helinho-e-no-tricolor-e-o-corinthians/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/05/o-fla-esbarra-em-helinho-e-no-tricolor-e-o-corinthians/#comments Mon, 05 Nov 2018 02:36:21 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8948 1- Bola por bola, futebol por futebol, o Flamengo foi melhor. Não tenho nenhuma dúvida. Só que diante da força de vontade e do suór do São Paulo, ainda mais contando com um menino chamado Helinho, a superioridade técnica não é suficiente, é preciso algo mais, como, no minimo, acertar nas finalizações.

Seja lá como for, sei que esse empate de 2 a 2 entre São Paulo e Flamengo foi duelo digno de ser visto, jogo elétrico durante quase todo o tempo, por momentos até de arrepiar. Especialmente no começo da partida: em menos de 10 minutos já estava 1 a 1, com o gol de Diego Souza para o São Paulo e o de Uribe- de cabeça- para o Flamengo.

Na etapa final, então, o São Paulo voltou com um menino desconhecido- pelo menos para a maioria-, Helinho, 18 anos, da base tricolor. Pois não é que esse menino, aos 4 minutos, passou por Renê, por Cuellar e soltou uma “bomba” de canhota?

Pois ele fez isso, sim. Na estreia. o seu cartão de visita.

Depois, melhor tecnicamente e não querendo ficar muito atrás do líder Palmeiras, o Flamengo foi para cima, teve maior posse de bola, maior número de finalizações. mais chances de gol- só que tudo que conseguiu foi o empate, em chute bem colocado de Rodinei(que tinha entrado no lugar de Pará), levando do Morumbi pelo menos um ponto.

Na verdade, foi jogo bom de se ver. Matematicamente, no entanto, não alegrou tricolores e flamenguistas:o São Paulo segue m quarto lugar e, no sábado, enfrentará o Corinthians em sua Arena, em Itaquera; o Flamengo caiu para o terceiro lugar(com a vitória do Inter sobre o Atlético Paranaense, 2 a 1, na noite de domingo) e agora está a seis pontos do líder Palmeiras.

E segue o Campeonato, faltando seis rodadas.

2- Vi só os melhores momentos da derrota do Corinthians para o Botafogo, por 1 a 0. gol de Ralf, contra( que a arbitragem concedeu a Lindoso) e vi também a espetacular defesa de “Gatito” Fernandez, nos acréscimos,em chute desferido por Léo Santos à “queima- roupa”.

Acredito que, mesmo aos trancos e barrancos.ambos se safem, Botafogo e Corinthians, do perigo da degola.Mas não é bom só acreditar nisso, é preciso jogar mais, pois o Corinthians está a 5 pontos da zona do rebaixamento e o Botafogo, 4.Como ainda faltam 6 rodadas e 18 pontos estarão em disputa, dado o equilíbrio da competição é preciso pontuar rodada a rodada para que o risco seja cada vez menor.

E que na próxima temporada sejam tomadas as devidas precauções para que sejam realizadas melhores campanhas.

]]>
9
Palmeiras, passo importante rumo ao título http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/03/palmeiras-passo-importante-rumo-ao-titulo/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/03/palmeiras-passo-importante-rumo-ao-titulo/#comments Sun, 04 Nov 2018 01:57:29 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8936

Crédito: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação

Não estou garantindo que o Palmeiras será o campeão brasileiro- nem Nostradamus seria capaz de tal profecia- ou que a Taça já está por perto.Aprendi a respeitar os perigos e o jeito imprevisível de ser do futebol.

Mas, convenhamos, as chances palestrinas são grandes depois da vitória no clássico contra o Santos- um “jogão”- por 3 a 2, no Allians Parque, diante de quase 40 mil pessoas,três dias depois de sair fora da Libertadores, na semifinal, com o empate (2 a 2) diante do Boca Juniors.

E a maneira como Palmeiras venceu o Santos dá mais indícios, ainda, de que o título de campeão pode acontecer. É que depois de um ótimo primeiro tempo, em que venceu o Santos por dois a zero e ainda desperdiçou chances (Lucas Lima não fez um gol imperdível) contra nenhum perigo oferecido pelo adversário, bem que a equipe de Felipão teve de penar na etapa final.

Por ironia do futebol, Edu Dracena que marcara seu primeiro gol pelo Palmeiras em 107 jogos pelo clube, cometeu falha bizarra na etapa final, propiciando a Copete o gol de número 1 do Santos. Aí, o jogo pegou fogo.Melhor em campo a essa altura, o Santos partiu ainda mais para o ataque  e logo empatou a partida através do arremate, dentro da área, do lateral-esquerdo Dodô.

Era um momento crítico para o Palmeiras, pois o Santos vinha de uma semana inteira de treinos. enquanto a equipe de Felipão vinha desgastada, eliminada da Libertadores só há três dias e pairou o suspense do que poderia acontecer no clássico.

Foi aí que surgiu a falta, bem antes da área, à média- distância, em detalhe que parecia testar a força e a sorte do Palmeiras: Victor Luís cobrou com chute forte, de canhota, a bola desviou na barreira, entrando no canto direito de Vanderlei.Ele, o goleiro que quase nunca erra,desta vez falhou.

Palmeiras, 3 a 2!

Nesse momento, Felipe Melo já estava no lugar de Lucas Lima, Thiago Santos fora para a lateral- direita ocupar o posto de Jean e o Santos ficou com 10 jogadores com a expulsão de Pituca. O Palmeiras perdeu Dudu- que fez o primeiro gol do jogo- mas só para a próxima partida, diante do Atlético Mineiro- porque ele recebeu o terceiro cartão amarelo.

Quanto aos destaques do clássico, na minha opinião, Thiago Santos foi o melhor jogador palmeirense, seguido por Victor Luís e Dudu, com menção honrosa para Borja- que até jogou bem; no Santos, eu destacaria os três gringos da equipe, Ramirez, Dérlis Gonzalez e Copete- este com atuação superior à de Rodrygo nesta partida.

Faltam seis rodadas  e ninguém  que eu conheça tem bola de cristal para saber o que vai acontecer. Mas que o Palmeiras caminha a passos largos com jeito de campeão, ah, isso é verdade…

]]>
3
Palmeiras, um empate como castigo: adeus Libertadores! http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/01/palmeiras-um-empate-como-castigo-adeus-libertadores/ http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/2018/11/01/palmeiras-um-empate-como-castigo-adeus-libertadores/#comments Thu, 01 Nov 2018 04:22:31 +0000 http://blogdoavallone.blogosfera.uol.com.br/?p=8932 Quando digo que o Palmeiras foi castigado com o empate frente ao Boca Juniors (2 a 2) e pela eliminação da Libertadores, não estou me referindo ao acaso ou coisa parecida; foi castigado , sim, mas por suas próprias limitações, pela incapacidade de trabalhar bem a bola no ataque,pela insuficiência em conter Benedetto, 28 anos, três gols em dois jogos contra o Palmeiras(saindo do banco de reservas), dois na Bombonera e um no Allianz Parque .

Por detalhes, teria sido um jogo diferente.Ao marcar gol antes dos 10 minutos de jogo(Bruno Henrique), apoiado por mais de 40 mil pessoas. a impressão que se teve foi a de que o Palmeiras iria arrasar.Puro engano: o gol foi anulado, com a consulta ao VAR e corretamente, pois antes de passar a bola a Dudu- que centrou para Bruno Henrique marcar, Deyverson estava impedido

Se não bastasse essa frustração, o Boca marcou minutos depois, com Abila aproveitando centro de Villa, pela direita.Ali, parecia ter acabado a esperança porque o Palmeiras precisaria fazer quatro gols para chegar à final.A eufórica torcida, então, emudeceu.

Parecia que já estava tudo liquidado quando o Palmeiras, no segundo tempo, colocou os nervos no lugar , trabalhou bem a bola, virou o jogo.Primeiro, com gol de Luan, depois com Gustavo Gómez, convertendo o pênalti sofrido por Dudu. 2 a 1, Palmeiras.

Será que ainda dava? A torcida voltou a gritar, a cantar, a confiar. Mas aí, Benedetto saiu do banco de reservas, passou pelo cansado Felipe Melo e chutou no canto direito de Weverton. Ótimo jogador esse argentino.2 a 2.

O resto, foi o resto,  um tal de o Boca segurar o jogo, de Palmeiras correr cansado(pela maratona de jogos) e descontrolado, que a partida poderia até ter acabado 20 minutos antes. Nada mais iria acontecer de relevante.

O Boca vai à final contra o River Plate, em inédita final argentina na Libertadores . E o Palmeiras irá juntar “os cacos”, tentando recuperar os que estão exaustos. e talvez lamentar ter negociado um atacante como Keno ou de no mínimo,ter contratado um jogador velocista para substituí-lo. Keno faz muita falta. Antes dele, foi embora outro jogador veloz, Roger Guedes.

Enfim, ainda líder do Campeonato Brasileiro, tendo já no sábado o clássico conta o Santos, não se sabe como irá reagir o Palmeiras- pela eliminação e pela maratona de jogos.

Só nos resta conferir.

]]>
4